Blog

O impacto na estratégia ao concentrar energia nas fraquezas e ameaças.

Avaliação do Usuário: 0 / 5

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

boatstorm

Imagine uma tripulação de um barco que está principalmente concentrada em garantir que ele não afunde, todos de lá para cá com seus baldes jogando a água fora do barco. Enquanto isso velas, motor, aquilo que poderia afastar a embarcação da tempestade e leva-la a bom porto ficam esquecidos.

Na época que vivemos, muitas empresas montam os seus planejamentos estratégicos, com todas as ressalvas que a situação impõe.

Afinal, vivemos em tempos onde a vulnerabilidade, incerteza, complexidade e ambiguidade (VUCA) imperam.

O método tradicional utilizado pela grande maioria das empresas ao estabelecer um plano estratégico é famosa Matriz SWOT (Fortalezas, Fraquezas, Oportunidades e Ameaças).

O problema é que esta Matriz acaba reforçando um traço cultural que é a concentração de energia gasta em olhar o que nos falta e o que nos ameaça, somos treinados a ter esse olhar desde pequenos, já que o sistema escolar ainda segue este modelo.

A grande questão é que focar somente na solução de problemas apenas nos leva à normalidade e não a excelência. As empresas precisam pensar em ir além, em desvios positivos de performance.

Este desafio nos faz propor alternativas ao modelo SWOT, que sem esquecer os problemas, tragam um novo equilíbrio concentrando seus esforços nos Pontos Fortes da empresa e dos seus colaboradores, o que acaba promovendo também o engajamento de todos.

Propomos uma abordagem diferente ao planejamento estratégico: SOAR, uma estratégia construída com base nos Pontos Fortes.

SOAR: Strengths (Fortalezas), Oportunidades, Aspirações e Resultados.

Esta abordagem ajuda a empresa a focar;

  • O que estamos fazendo bem,
  • Que capacidades precisam ser aprimoradas.
  • O que é mais relevante para os Stakeholders

Isto faz com que a organização desenvolva planos estratégicos mais dinâmicos, criativos e principalmente otimistas. O que faz toda a diferença, principalmente para o momento em que vivemos.

Uma maneira de definir SOAR: um marco de referência para planejamento estratégico com abordagem principalmente nos Pontos Fortes e que procura entender todo o sistema incluindo as vozes relevantes dos stakeholders. 

tabelartigo

Optar pela abordagem SOAR tem um efeito heliotrópico. Este efeito é definido como a tendência de todos os sistemas vivos ir à procura de tudo o que dá vida e se afastar do que a esgota ou deprime, em direção a energia positiva e se afastar da negativa.

Assim também as estratégias que focam no positivo também tendem a produzir resultados de excelência tanto nos indivíduos como nas empresas.